quinta-feira, 10 de outubro de 2013

SONHOS JUVENIS +



Ele era um príncipe,
Eu era uma princesa,
Perguntou ela
Ao sair de uma vida atípica.
Não lhe deixaram
Conhecê-lo.
Invadiram razões alheias.
Independentes,
Tentaram fazê-lo,
Não deu certo,
Não tinham madurez.
Trilham outros caminhos,
Perderam-se,
Reencontraram-se,
Nada era mais igual.
O passado ficou na memória
No coração 
Que jamais
Esqueceu-se
Do sonho juvenil
Nunca apagado
Nunca encontrado,
Perdido no espaço,
Por uma alma doente,
Impiedosa...
Coitada!
Deus traçou novos horizontes,
Felizes cada qual a seu modo
Enfim!

4 comentários:

  1. Linda e bem inspirada poesia,Rosélia! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Linda poesia amiga Rosélia.
    A vida é assim,quando jovens,achamos que já
    encontramos nosso príncipe,mas depois tudo passa
    e cada um segue seu caminho.
    bjs amiga
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Rosélia, que lindo! Tive uma história assim, mas passou!
    Beijos
    Amara

    ResponderExcluir
  4. Rosélia.
    Eu sempre sou surpreendida quando chego em blogs
    como os seus.
    Hoje deparei com um poema que encantou meu coração.
    Parabéns minha amiga com certeza orvalho do céu
    é mais que um poema.
    Feiz final de semana beijos , Evanir.

    ResponderExcluir

Deixe seu toque poético aqui.

Related Posts with Thumbnails